Dicas

A origem e o significado do Natal

O Final do ano está próximo e a expectativa só cresce na medida em que o Natal vai chegando. A data, tão esperada pelas crianças, é sinônimo de prosperidade e de alegria até mesmo para os mais grandinhos.

Comercialmente falando, a data é a mais importante do calendário brasileiro, ficando à frente do dia das mães, dia dos namorados e do Black Friday. Até mesmo porque é no final de ano que a maioria dos trabalhadores brasileiros tem uma renda maior, em função do 13º salário.

Origem

Que o Natal tem origem religiosa todo mundo sabe, mas você sabe de fato quando que o Natal ganhou o significado atual?  

Pois bem, a data de 25 de dezembro foi instituída pela Igreja católica, através do Papa Libério, no ano de 354 depois de Cristo. Sabe-se, porém, que a data não corresponde ao dia exato em que Jesus nasceu. Ela foi escolhida para que coincidisse com a data do “nascimento do Deus Sol invencível” e também do nascimento do misterioso “Deus persa Mitra, o Sol da Virtude”.

Na mesma época, na Roma antiga, entre os dias 17 e 24 de dezembro, também acontecia a Festa da Saturnália, uma festividade cheia de fartura de comidas e bebidas, que ajudou a tornar a data conhecida como é hoje.

Papai Noel e a origem da troca de presentes no Natal

A troca de presentes é algo comum entre os povos, sejam eles cristãos ou não. Essa questão está ligada a possibilidade de estreitar laços com pessoas e fortalecê-los pela lembrança de uma data especial. Jesus, por exemplo, que é o personagem principal do Natal, recebeu presentes dos reis magos no seu nascimento.

Com o tempo, a questão religiosa foi perdendo um pouco de sua força, mas a troca de presentes não. Um exemplo disso é que até pagãos hoje em dia trocam presentes.

O símbolo máximo da troca de presentes nessa época é o Papai Noel que distribui presentes nas noites de Natal às crianças que se comportaram bem durante todo o ano. Ok, isso também todo mundo já sabe. Mas, como Papai Noel surgiu? Você sabe?

A figura do bom velhinho foi criada e difundida a partir de São Nicolau, um bondoso homem turco que tinha muita afinidade com as crianças. O Papai Noel foi inspirado nele e criado pela Coca Cola, no final do século 19.

Até o protestantismo, que até então buscava uma imagem diferente do presépio para comunicar a data, passou a utilizar-se dessa figura como referência para a data.

Deixe sua casa ainda mais bonita no Natal

A cor vermelha é a mais usada nesta época do ano. Ela é considerada uma cor quente e seu significado está ligado à energia e aos sentimentos de amor e paixão. Em alguns ambientes como a sala e a cozinha, a cor vermelha ajuda a estimular o apetite, deixando o ambiente mais convidativo.

Que tal então deixar sua casa ainda mais bonita para o Natal? Confira as dicas do Paulo Cezar Enxovais abaixo e aproveite!

Seja no Natal ou em qualquer outra data comemorativa do ano, a loja Paulo Cezar Enxovais tem as melhores opções para presentear quem você ama. Clique aqui e acesse nosso site.

Até a próxima!! 😉


Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *